Está completando cem anos que o Titanic considerado na época do seu lançamento em 1912, o maior navio de passageiros do mundo afundou, após colidir com um iceberg no Oceano Atlântico, trazendo para nós a lição de que quando a arrogância, o orgulho, o confiar nas riquezas domina o coração do homem, se cumpre o que está escrito na palavra de Deus: A soberba precede a ruína, e a altivez do espírito precede a queda (PV 16.18).

A Primeira e Última Viagem

Segundo algumas fontes de pesquisa os jornais daquela época consideravam o Titanic como insubmergível, o mais luxuoso, indestrutível, enfim um navio que o próprio Deus não poderia afundar. Meu Deus, tanta soberba, tanta arrogância encontramos em tudo isso. Isso demonstra a falta de conhecimento da palavra de Deus. O homem confiando no próprio homem tão falho, mortal e limitado. Milhões de dólares foram investidos na construção desse gigantesco navio, porém antes do lançamento desse navio, já estava escrito na palavra de Deus: Aquele que confia nas suas riquezas cairá, mas os justos reverdecerão como a rama (PV 11.28). E o interessante também é que a fama desse navio levaram as pessoas a formarem conceitos de um navio perfeito, a prova de afundamento enfim chamava a atenção de todos os homens ao ponto de muitas pessoas até milionárias desejassem fazer parte dos passageiros desse famoso navio em sua viagem inaugural. Só existe uma confiança que quem confiar nele não se abala que é a confiança em Deus (Sl 125.1).
O navio Titanic iniciou a sua viagem inaugural de Southampton,na Inglaterra,com destino á cidade de Nova York, nos Estados Unidos,num dia de Quarta-Feira,aos 10 de Abril de 1912. Entre os passageiros existiam os viajantes de primeira classe constituída de ricos industriais, a segunda classe de homens de negócios e a terceira classe de imigrantes europeus.
Na noite do dia 14 de abril de 1912, o navio Titanic chocou-se com um iceberg a aproximadamente às 23 h e 40 min. e afundou completamente às 2 h e 20min aproximadamente do dia 15 de abril de 1912 nas águas geladas do Oceano Atlântico causando com isso, a perda de mais de 1500 pessoas aproximadamente.

As Lições

Para o mundo que não conhece a palavra de Deus, o naufrágio do navio Titanic foi uma grande surpresa, um grande abalo, enfim algo inacreditável, pois o navio fora construído com a mais alta tecnologia daquela época. Que engano. Tudo que o homem constrói é falho, imperfeito, pois somente a Deus pertence à perfeição e somente ele é infalível.
O homem pode ser milionário, ou seja, ter muito dinheiro no banco, porém esse mesmo homem ele é mortal, falível, imperfeito e jamais ele pode afrontar a Deus sem arcar com as suas consequências. Dinheiro, fama, luxo só chama a atenção do homem não de Deus.
Que grande lição nós podemos tirar desse trágico naufrágio? A importância de Deus em nossos negócíos e nunca confiar nas riquezas porque quem confia cairá certamente. Está escrito na bíblia: Não erreis; Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará (Gl 6.7).
O naufrágio do Titanic está registrado nas páginas da história humana. E eu pergunto: Será que após esse trágico acidente os homens deixaram de serem orgulhosos arrogantes e de confiar nas riquezas matérias? Eu acredito que não, pois só quem dá a visão correta da vida ao homem é Cristo. Nas mensagens contidas na bíblia, o orgulho, a soberba além de ser pecado, foi mencionado por Jesus como uma das coisas que contaminam o homem (PV 21.4; Mc 7.22-23).
Este não foi o primeiro nem o único acontecimento no mundo aonde a arrogância, o orgulho do homem levou tudo de água a baixo. Segundo a bíblia, quem é soberbo não está com a sabedoria, portanto, nada sabe (PV 11.2; I Tm 6.4).
O profeta Obadias profetizou contra os habitantes de Edom, os edomitas, conforme está escrito: A soberba do teu coração te enganou (Ob 3a). É o que ocorre com o homem orgulhoso, soberbo. No livro do profeta Jeremias está uma mensagem de Deus para os soberbos: Assim diz o Senhor; Não se glorie o sábio na sua sabedoria, nem se glorie o forte na sua força; não se glorie o rico nas suas riquezas. Mas o que se gloriar glorie-se nisto; em me conhecer e saber que eu sou o Senhor,que faço beneficiência,juízo e justiça na terra;porque destas coisas me agrado,diz o Senhor(Jr 9.23-24).
Portanto, a arrogância, o orgulho, o confiar nas riquezas materiais deve ser evitado por todos os homens e especialmente pelos cristãos, pois, devemos nos espelhar em Jesus, o qual disse: Aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração.

Exibições: 345

Comentar

Você precisa ser um membro de SAÚDE DO ESPÍRITO, ALMA E CORPO para adicionar comentários!

Entrar em SAÚDE DO ESPÍRITO, ALMA E CORPO

Membros

Notas

AMADOS, LEIAM OS TÓPICOS A PARTIR DA PÁGINA PRINCIPAL E VAMOS PARTICIPAR MAIS DA NOSSA REDE. QUE DEUS VOS GUARDE E ABENÇOE.

Criado por Pastora-Psicanalista MÉRCES 15 Maio 2009 at 16:48. Atualizado pela última vez por Pastora-Psicanalista MÉRCES 6 Dez, 2015.

CLICK BÍBLIA-DEBATES-TÓPICOS-FORUM

Criado por Pastora-Psicanalista MÉRCES 9 Ago 2013 at 13:16. Atualizado pela última vez por Pastora-Psicanalista MÉRCES 9 Ago, 2013.

SAÚDE INTEGRAL

© 2020   Criado por Pastora-Psicanalista MÉRCES.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço